Sítios Literários

A Feira do Livro está mesmo, mesmo a chegar. Felizmente ainda há pessoas que vêm de vários pontos do país para estar presentes neste que é o grande evento literário do ano e do país. Por isso, a pensar tanto naqueles que viajam de propósito até à capital para estar presentes na feira, como naqueles que cá moram mas ainda não descobriram todas as maravilhas escondidas na grande cidade, hoje trago-vos uma espécie de roteiro «literário». Aqueles que vêm até à capital têm agora mais motivos para nos visitar e aproveitar as coisas boas que temos para oferecer.

São sítios inspirados num autor, num livro ou na literatura em geral... Mas todos têm em comum o facto de serem espaços com livros que podem ser comprados e/ou consultados, assim como serem pontos de passagem obrigatórios para todos aqueles que adoram livros.

Com muita pena minha, não conheço todos os sítios incluídos no mapa e acredito que não estejam contemplados todos os locais literários existentes em Lisboa ou no Porto. Vou deixar-vos o acesso ao mapa, mas deixo também aqui uma lista dos sítios que constam do mesmo.



Sítios a visitar em Lisboa
  • Chiado Café Literário
  • Espuma dos Dias
  • Ler Devagar
  • Pois, Café
  • Folhas d'Erva
  • Há Café no Alfarrabista
  • Tasca Mastai
  • Menina e Moça
  • Le Petit Prince, Café Cultura

Sítios a visitar no Porto
  • Manifesto
  • Almanaque
  • Casa da Boavista - Chiado Café Literário
  • Flâneur
  • Espiga
  • Alambique

No dia 18, a Bairro dos Livros lançou um mapa extremamente interessante para quem tem curiosidade em visitar não só estes locais, mas também em fazer um percurso literário pela cidade do Porto. O Mapa do Bairro: Guia Literário da Cidade - Uma Experiência do Porto para Amantes dos Livros está disponível aqui.

Sem dúvida que adoro a Ler Devagar (e o Bolo da Marta, passando a publicidade) mas adorei o conceito do Letters Matters quando visitei o espaço - para quem gosta de um ambiente chill out com sushi, gin e livros à mistura, era o céu na terra. Aparentemente, tanto este sítio como o Aqui Há Gato (agora, localizado em Santarém) fecharam. Com a ajuda do comentário da Bárbara (obrigada!) e com muito pouca simpatia por parte de quem responde a mensagens do Facebook, confirmei que a Metamorfose/Salão Ideal também encerrou. Caso tenham visto o post original, assim como o mapa não estranhem que esse local já não conste dos mesmos. Por não ter qualquer indicação de que tenha mudado de localização, foi retirado.

Claro que um pouco por toda a cidade - pelo menos em Lisboa - existem vários pequenos cafés onde podemos encontrar cantinhos com livros, ao abrigo da iniciativa de Bookcrossing ou não. Existe também a iniciativa Little Free Library que funciona muito no âmbito do Bookcrossing e que permite que existam mini bibliotecas ao ar livre espalhadas por todo o mundo. Em Portugal, a mais mítica deverá ser a da Quinta das Conchas, em Lisboa. Vale a pena passar por lá quando estiver a decorrer o Cineconchas, por exemplo. É uma experiência diferente e extremamente agradável.
Obviamente, deverão existir muitos mais espaços literários espalhados por todo o país - Óbidos e Évora são sítios que, indiscutivelmente, estão pejados destes espaços - mas hoje importava essencialmente nomear os de Lisboa por causa da nossa querida FLLx e os do Porto, já a pensar na futura Feira do Livro do Porto.

No entanto, se conhecerem mais sítios deste género - seja em Lisboa, no Porto ou em qualquer outra cidade ou vila - que considerem essencial para este guia, por favor partilhem connosco nos comentários :)

Boas leituras e comecem a preparar-se para a Feira, que chega já nesta Sexta feira!

Comentários

  1. A livraria Metamorfose tenho em crer que já fechou, há cerca de um ano ou assim :( acho que há falta de sítios literários em Lisboa... os poucos que há vão fechando, não sobrevivem...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Bárbara :) A sério? Fiz uma pesquisa para confirmar que sítios permaneciam abertos e este não dava a entender isso. Existem críticas em relação à Metamorfose com apenas 2 meses... Mas quando se vai um bocadinho mais fundo, de facto diz que fechou permanentemente naquela localização. Será que fechou ali e abriu noutro sítio? Já mandei uma mensagem ao Cinema para averiguar a situação. Assim que tiver uma resposta, actualizo aqui :) Esperemos que tenha aberto noutro sítio ou que exista outra no lugar da Metamorfose, senão é mais uma na lista negra :(

      Eliminar
    2. Opá, eu acho que sim, mas se viste opiniões recentes fico sem grandes certezas... talvez tenha mudado de local, não sei mesmo!
      Mas sim, é uma pena, há tanto bom projecto que abre e fecha e abre e fecha... lembro-me da Fyodor Books, que era incrível mas insustentável...

      Eliminar
    3. Já alterei o post Bárbara. Responderam-me à minha questão com um simples «Fechou.», portanto ficamos sem saber de onde vêm as opiniões recentes. É triste mas o próprio valor das rendas não compensa manter um estabelecimento deste género em Portugal. As pessoas preferem ir para os centros comerciais passear... Às vezes quando vejo fotos no Insta de superfícies gigantescas nos EUA, cheias de pessoas nos corredores, de todos os géneros e feitios, começo a sonhar com aquele tipo de estabelecimento em Portugal. Mas logo a seguir, caio na realidade e lembro-me que cá iriam estar cheios de moscas, em vez de pessoas... Muito obrigada pela tua informação, foi extremamente útil ^^
      Beijinhos!

      Eliminar
    4. Bem, ao menos foram directos na resposta? Que bizarro... Será que a Metamorfose com opiniões diferentes é outro sítio com o mesmo nome? Será que algum dia iremos saber? :p
      As rendas estão e são horrorosas - Lisboa em particular está incomportável, e acredito que manter uma livraria em pleno Chiado não fosse muito fácil...
      E sim, compreendo - e nem é preciso ir tão longe! A Casa del Libro, em Espanha, é uma livraria em cadeia (pensa tipo Bertrand) - e só em Sevilha, há uma de cinco andares. Cinco! (em Madrid também tinha uns cinco, mas acho que Sevilha causa mais impacto por ser uma cidade mais pequena :p). As chainstores de livros noutras cidades que já tive a oportunidade de visitar são tão superiores... a secção de livros da FNAC do Forum des Halles em Paris é maior que a FNAC do Colombo inteira. Suponho que as diferenças culturais aqui contribuam bastante - no metro em Paris vês publicidade a livros, aqui vês publicidade ao KFC. E eu gosto de KFC, mas...
      Beijinhos :)

      Eliminar
    5. Acho que tão depressa não iremos descobrir xD Já procurei nos submundos da web e não encontro outra localização.
      Sim, muito embora sejamos um país com uma componente histórica e, consequentemente, cultural fortíssima, isso não teve o menor impacto na população. As mentalidades - mesmo tão próximas como dos países que nomeaste - são muito mais abertas e as pessoas menos comodistas do que por cá. Enfim, é o que temos... =|
      Beijinhos :)

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares