Onde Comprar Livros - Parte III

Cá estamos novamente para dar a conhecer os meus métodos e técnicas infalíveis de comprar livros gastando o menos possível.
Ontem falámos de sites para comprar livros em inglês, hoje iremos falar de sites e sítios para comprar livros em português.
A técnica é sempre a mesma: comprar preços e aproveitar promoções. Ter atenção aos portes de envio e ver o quê e quando compensa mais comprar determinado livro.

Wook

Quando falamos de livros em português, toda a minha pesquisa se inicia na Wook. Foi um hábito que adquiri quando trabalhava em livraria e que se manteve ao longo dos anos. Quando alguém me pergunta "mas onde é que vejo isso?", a minha resposta é óbvia: na Wook. Serve quase como uma base de dados, onde temos livros de todas as editoras e, através de uma pesquisa simples, ficamos a saber tudo o que precisamos saber acerca de determinado livro. A Wook, quase sempre, tem 10% de desconto nos livros, temos possibilidade de comprar livros que estão em Pré-Lançamento, livros com ofertas, livros antigos, livros recentes, livros para todos os gostos.
Frequentemente, a Wook tem promoções em diversas categorias mas é preciso ter atenção porque podem não compensar face àquilo que estamos a comprar.
Há muitos livros que têm portes grátis. Os que não têm, poderão ficar carotes, se comprarmos só um livro. No entanto, não sei se se trata de uma medida temporária ou se veio para ficar, neste momento a Wook está a devolver em cartão o valor dos portes, ou seja, pagamos os 2,50€ à mesma, mas ficamos com esse dinheiro virtual para descontar na próxima compra.
A mim compensa-me comprar na Wook quando há um conjunto de circunstâncias que se juntam: livro com oferta + portes grátis ou livro com 50% de desconto + portes grátis.

Sites de editoras

Os sites das próprias editoras são maravilhosos na medida em que, normalmente, têm sempre alguma promoção a decorrer e muitas vezes os portes são grátis ou muito baratos.
A editora cujas promoções são mais vantajosas é, sem dúvida, a Saída de Emergência. Apesar da maior parte do catálogo corresponder a livros de fantasia, eles editam mais géneros literários e acaba sempre por haver alguma coisa vantajosa, nem que seja para oferecer. Na SdE basta comprar 2 livros que façam 20€ (o que não é nada difícil) para escolher mais um gratuito, há sempre descontos até 40% e os portes são grátis. O que é que podemos pedir mais? Conseguimos comprar livros para nós e juntar-lhes livros para oferecer e estar a poupar imenso.
O único problema dos sites de editoras é, como é óbvio, venderem apenas os livros que eles editam e estas vantagens maravilhosas não são extensíveis àquele livro que tanto queremos mas que pertence à editora que, neste momento, não está a fazer promoções.
A única excepção que temos é o site da Bertrand, que acaba por ser uma livraria virtual e como tal, tem promoções em todos os livros mas normalmente os descontos são em cartão...

Feira do Livro

Mais uma vez, só posso falar da minha experiência com a Feira do Livro de Lisboa pois, infelizmente, nunca tive oportunidade de ir à do Porto.
Na FLLx encontramos a créme de la créme das promoções. É preciso saber 1) os preços dos livros e 2) a data de edição dos mesmos. A partir daí, o trabalho faz-se quase sozinho. Eu sou completamente doente e durante os 15 dias de feira vou lá, se calhar, 10 dias mas não há tal necessidade, a menos que queiram ver se não perdem mesmo alguma oportunidade espectacular.
Então o que é que vale a pena na FLLx?
Em primeiro lugar e acima de todas as coisas, a Hora H, em que livros com mais de 18 meses de edição têm desconto de 50% em quase todas as editoras. Depois, vale a pena esmiuçar muito bem os pavilhões que têm livros que nos interessam pois há alguns que têm livros manuseados ou com algum defeito de edição - que, para mim que sou hiper picuinhas, normalmente estão em bom estado - com mais de 50% de desconto e valem muito a pena.
Fora isso, poderão interessar os livros do dia - o que requer que tenhamos disponibilidade naquele dia específico para ir lá comprar o livro, o que nem sempre acontece - e os alfarrabistas que, muitas vezes, têm livros bastante recentes entre 5€ e 7,50€ (têm alguns a 10€ mas se souberem o PVP do livro em questão, verão que, normalmente, compensa mais esperar pela Hora H do que comprá-lo a esse preço).

Alfarrabistas

Os alfarrabistas, por norma, compensam bastante - a maior parte dos livros é vendida a 5€ - e a grande maioria deles já não tem só livros antigos. O grande problema dos alfarrabistas é a localização das lojas (quando existem).

Grupos de venda do Facebook

Há cerca de meia dúzia de grupos no Facebook onde as pessoas põe à venda os livros que já não querem. Aqui, obviamente, encontra-se de tudo um pouco, do mau ao bom, do caro ao barato.
Há muita gente que não tem noção de que existe uma tarifa dos CTT para envio de livros e, portanto, há quem peça um absurdo de dinheiro para os enviar. De qualquer forma, no caso destes grupos, a menos que seja uma pessoa que actua quase como uma loja e vende bastantes livros com grande regularidade, é sempre melhor jogar pelo seguro e efectuar a compra em mãos.

OLX

Funciona exactamente como os grupos do Facebook e, da mesma forma, é sempre melhor jogar pelo seguro. O problema dos portes também se mantém.

Cash Converters

Existem 5 lojas destas em Lisboa e 1 no Porto. Sou cliente assídua destas lojas, embora reconheça que a qualidade daquilo que vendem tem vindo a decrescer no que respeita a livros. Há duas ou três da minha preferência, onde normalmente se conseguem arranjar livros mais recentes em vez daqueles que já ninguém quer e que se encontram em todo o lado aos magotes. Os livros mais recentes, por norma, custam entre 3,95€ e 5,95€, havendo oscilações para cima e para baixo. Mais uma vez, se soubermos o preço de venda ao público daquilo que estamos a comprar, veremos se um livro em segunda mão que pode ter algumas moças nos compensa em relação a uma Hora H, por exemplo.
O problema: como nunca se sabe o que é que há nestas lojas pois não existe uma base de dados, é uma questão de sorte haver precisamente aquilo que procuramos.


No fim, acaba por ser uma questão de prioridades - preciso de comprar este livro já ou posso esperar pela FLLx e comprá-lo na Hora H? Compensa-me mais comprá-lo em segunda mão ou na Feira? Se é uma novidade, então não vai ter desconto acima dos 20% na Feira do Livro, se calhar há algum site que está a fazer a mesma promoção e quero tanto lê-lo que mais vale comprar já.
No que toca a livros em português, o essencial é jogar com datas e preços para se conseguir o negócio mais vantajoso. Mais uma vez, é algo que dá trabalho, mas a carteira agradece!

Se tiverem alguma questão, sugestão ou crítica a fazer, comentem e aproveitem as dicas para começar já a poupar para as prendinhas de Natal 😄🎅🎄


Comentários

Mensagens populares